Só Vem! (Thiaguinho)

Só Vem! (Thiaguinho)

Lançamento

 

 

O álbum

Depois de cair nas graças dos fãs cantando grandes pagodes da década de 90, Thiaguinho traz a público seu mais novo CD de inéditas, mostrando que nem só de relembrar os clássicos vive o bom e velho pagode. Pelo contrário. Ao todo, “Só Vem!” conta com 21 músicas novas – seleção criteriosa de mais de 200 títulos que chegaram até o cantor.

 

Apaixonado pelo novo repertório, Thiaguinho revela que o processo de gravação foi árduo, apesar de muito prazeroso. “A gente tinha mais de 200 músicas para escolher. Conseguimos reduzir para 40, que levei para o estúdio e gravei pra valer, com todo mundo, como se fosse um CD. É um experimento. Várias dessas músicas eu posso cantar a vida inteira, posso mudar a vida de alguém com uma delas”, conta o cantor. E celebra: “É uma responsabilidade legal pra caramba de ter”.

 

A funkeira Ludmilla é a única participação do álbum, na faixa-título “Só Vem!”. A parceria é o resultado do desejo antigo de registrar a admiração mútua entre os artistas, como entrega Thiaguinho: “A gente sempre canta junto no palco e sempre brincava que faltava uma com ela cantando no meu repertório. Chegou a hora e ficou demais! Ela canta muito”, elogia.

 

Além do repertório inédito, “Só Vem!” também inova na apresentação. A capa estampa um grafite que retrata uma das fotos do cantor quando criança, tirada por sua mãe – trabalho cuidadoso do artista visual Marcelo Ment. “Eu sempre quis fazer um disco com uma capa diferente. Sou apaixonado pela capa do Nevermind (Nirvana) e me perguntava se um dia conseguiria fazer uma assim, mais fora dos padrões. Quem comprar o CD vai ter essa imagem minha criança, pura, e de uma maneira tão bonita e tão artística, como representou tão bem o Ment”, enaltece Thiaguinho.